2.9.06

Alienar é possível

365 dias sem ler NoMínimo.
Antes disso, já tinha parado com o Observatório da Imprensa.
No início ocorreram crises de abstinência.
Mas, como diz o pessoal do AA, a gente vence o vício um dia de cada vez.
Não posso dizer que estou limpo.
Um jornal e um telejornal diários ainda fazem parte da rotina. Mas nesses casos o teor toxicológico é quase inexistente, diluído em diversão e inutilidades.
A parte mais difícil é se reintegrar à sociedade. Qualquer coisa no comportamento ou na fala pode revelar a condição de ex-viciado.
Informação é uma droga. Mas é possível vencer o vício.

Nenhum comentário:

Postar um comentário