7.5.04

Momento de reflexão: escrever ou não escrever?

Durante um tempo, tentei escrever em períodos (mais ou menos) regulares de tempo. Foi algo que exigiu muito de mim, tanto em termos de esforço quanto de tempo gasto na tarefa. A resposta a tudo isso foi ínfima.
Talvez pela pouca reação apresentada (quase nenhuma, pra dizer a verdade), fui escrevendo em intervalos cada vez maiores. Qual não foi minha surpresa quando, há pouco menos de um mês, percebi que as visitas estavam aumentando. Não somente isso, as pessoas estavam saindo do armário e assumindo que visitavam esta latrina virtual. De onde viria tamanho ímpeto, tamanha coragem?
Um dado novo surgiu na semana passada, quando participei de um encontro nerd promovido pelos blogs Melhores do Mundo e Teia do Aranha. Nos dias após o encontro, um novo aumento nas visitas sem que fosse acrescentada uma única linha de texto ao Ex-quase-futuro. O que poderia ter acontecido?
A explicação para isso é que os blogueiros que antes ignoravam (com razão) este espaço, agora conhecem o "dono da casa" e acabam visitando o blog num ato de solidariedade. Isso me leva a concluir que onde não obtive êxito escrevendo e sendo chato, consegui alguma coisa simplesmente não fazendo nada. O que traz duas questões preocupantes: será que escrevo tão mal que é melhor não escrever nada? E a pior: será que era simpático e não sabia?

Nenhum comentário:

Postar um comentário