23.3.03

Da arte de estar lá e não ser visto

Minha OC (pergunta pra ela o que quer dizer OC) costuma dizer que sou invisível. Isso porque passo despercebido em vários lugares e algumas vezes fico parado do lado das pessoas sem que elas notem. Algumas esbarram em mim na rua porque não me notam mesmo quando estou na frente delas. Já chegou ao ponto de amigos me contarem sobre eventos nos quais não estive. O engraçado é que estive nesses lugares com eles, mas eles é que não lembravam de minha presença lá. A OC defende que isso é uma espécie de poder mutante (salve Stan Lee!), mas acho que é porque sou comum demais pra ser notado.
Só por curiosidade, procurei por Ex-quase-futuro no Google e achei um monte de coisa, mas não aparece nada sobre este blog. Parece que sou invisível até pra ferramenta de busca mais usada do mundo.
Essa "invisibilidade" não é algo bom ou ruim; é apenas... estranho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário